Solidariedade

Solidariedade
Foto: Blog "tododiaumtextonovo"

sexta-feira, 25 de setembro de 2009

Cadela é atingida por quatro tiros em penitenciária e sobrevive em SC

25/09/09 - 17h51 - Atualizado em 25/09/09 - 17h51

Dois agentes tiveram suas armas apreendidas e foram afastados.
Departamento Prisional instaurou sindicância para apurar o caso.

Do G1, em São Paulo

Cadela Pituca foi atingida por cerca de quatro tiros e se recupera bem (Foto: Hugo Daniel/Diário Catarinense)

A cadela Pituca, uma vira-latas que vivia nas dependências do Complexo Penitenciário de São Pedro de Alcântara (SC), foi atingida por pelo menos quatro tiros, na madrugada de segunda-feira (21). Dois agentes penitenciários são suspeitos de serem os responsáveis pelos disparos.

A cadela foi encontrada, agonizando, por duas funcionárias do complexo na tarde da segunda-feira. Elas prestaram os primeiros socorros e levaram Pituca para cuidados veterinários.

De acordo com o Departamento de Administração Prisional (Deap), Pituca se recupera bem e deve ser colocada para adoção. O Deap informou ainda que os agentes penitenciários tiveram suas armas recolhidas e perderam o porte das armas.

Segundo a Secretaria de Justiça e Cidadania de Santa Catarina, os agentes se formaram em 2008 na Escola Prisional do estado, foram afastados do trabalho e podem ser suspensos pelo período de 15 a 30 dias, sem direito ao recebimento de salário, ou até demitidos.

O diretor do Deap, Hudson Queiroz, instaurou uma sindicância para a apurar o caso. Segundo a assessoria de imprensa do órgão, serão investigadas as causas dos tiros, se houve negligência por parte dos agentes e as circunstâncias em que Pituca foi atingida.

Ainda segundo a secretaria, os agentes ainda vão ser investigados no inquérito policial instaurado na delegacia de polícia da cidade. Eles podem responder pelo crime de maus tratos aos animais.

http://g1.globo.com/Noticias/Brasil/0,,MUL1318781-5598,00-CADELA+E+ATINGIDA+POR+QUATRO+TIROS+EM+PENITENCIARIA+E+SOBREVIVE+EM+SC.html


Disco natalino de Bob Dylan terá renda revertida no combate à fome

24/09/09 - 17h03 - Atualizado em 24/09/09 - 17h03

Cantor cedeu direitos autorais para o Programa Mundial de Alimentos.
'Christmas in the heart' será lançado no dia 13 de outubro nos EUA.

Do G1, em São Paulo

O cantor americano Bob Dylan cedeu os direitos autorais de seu disco natalino ao Programa Mundial de Alimentos (PMA), para ajudar as crianças que vivem em regiões com falta de alimentos, informa a instituição nesta quinta-feira (24).

A receita procedente dos direitos autorais de "Christmas in the heart", serão para ajudar a combater esse problema que afeta 108 milhões de pessoas no mundo.
A crise financeira internacional e o aumento dos preços dos alimentos aumentaram o número de crianças no mundo em situação de pobreza e, portanto, com problemas para obter alimentos.


"O número de famintos no mundo, muitos deles crianças, alcançou um número historicamente alto, enquanto a assistência alimentícia está em níveis historicamente baixos", acrescentou Sheeran.

O álbum inclui músicas como “Here comes Santa Claus,” “Winter wonderland,” “Little drummer boy” e “Must be Santa”. A previsão é que álbum seja lançado no dia 13 de outubro nos Estados Unidos.

O lançamento de "Christmas in the heart" era um rumor até agosto passado, e havia sido anunciado extra-oficialmente por revistas como “Isis” e “Billboard”. Nascido em Minnesota em 1941, Dylan cresceu no judaísmo, e se converteu ao catolicismo entre o final da década 70 e começo dos 80.

Capa de 'Christmas in the heart', álbum natalino de Bob Dylan. (Foto: Divulgação)

"Em um primeiro momento pode parecer esquisito, mas eu não acho que Dylan ligue muito para o que seus difamadores poderão pensar disso", disse o escritor Scott Marshall, que prepara o livro 'God and Bob Dylan: A spiritual life' (Deus e Bob Dylan: Uma vida espiritual, na tradução literal), ao site "bullypulpit.com".

"Ele nunca renunciou ser judeu ou renunciou à sua experiência com Jesus há mais ou menos três décadas", disse Marshall.

http://g1.globo.com/Noticias/Musica/0,,MUL1317127-7085,00-DISCO+NATALINO+DE+BOB+DYLAN+TERA+RENDA+REVERTIDA+NO+COMBATE+A+FOME.html

sexta-feira, 18 de setembro de 2009

É mais fácil ser heróico com os animais do que com os humanos

Fruto da observação da mídia na internet, os seres humanos estão cada vez mais tendentes a dar sua proteção e seus atos de heroísmo aos animais. Fazem bem. Um animal é um ser fiel, amoroso, desprotegido, que retribui o amor que lhe é dado. Vale a pena salvar um animal. Eu não estou mais certa é se vale a pena salvar um ser humano com o mesmo empenho, excluindo-se do caso crianças, velhos e doentes, sempre merecedores de todo o nosso esforço. Mas o ser humano raramente tem se destacado por alguma ação benéfica para a humanidade, que justifique que se arrisque a vida por ele. Egoístas, egocêntricos, desonestos, maléficos, mal-agradecidos: como saber a quem se salva?

Jovem fica de cueca e salta no mar para salvar cão na Austrália

17/08/09 - 14h29 - Atualizado em 17/08/09 - 14h3

Raden Soemawinata estava espalhando as cinzas de sua avó na baía.
'Estava frio e ventando, mas não foi difícil tomar a decisão', disse ele.

Do G1, em São Paulo

A australiana Sue Drummond temeu pelo pior depois que seu cão de estimação "Bibi" foi arrastado pelo vento e caiu no mar no píer de Brighton, mas um jovem que estava no local tirou a roupa e saltou para salvar o animal, segundo o jornal "Herald Sun".

Raden Soemawinata, de 20 anos, estava espalhando as cinzas de sua avó na baía. Ao ver o desespero da mulher, o jovem tirou a calça e saltou no mar para resgatar o cãozinho. Clique aqui para ver imagens publicadas pelo periódico australiano.

"Estava bastante frio e ventando, mas não foi tão difícil tomar a decisão de saltar no mar. Não foi uma grande façanha", disse Soemawinata após o resgate. "Eu sou modelo e ficar de cueca não é algo tão diferente do que eu faço no trabalho", acrescentou ele.

De acordo com o "Herald Sun", as fortes rajadas de ventos provocaram mais de mil chamadas para o serviço de emergência do estado de Victoria. As rajadas chegaram a 115 km/h em Mt Dandenong, 98km/h no aeroporto de Melbourne e 104 km/h em St Kilda.

http://g1.globo.com/Noticias/PlanetaBizarro/0,,MUL1269888-6091,00-JOVEM+FICA+DE+CUECA+E+SALTA+NO+MAR+PARA+SALVAR+CAO+NA+AUSTRALIA.html

Funcionários acham cadela viva dentro de toca de coelho durante escavações

18/09/09 - 08h00 - Atualizado em 18/09/09 - 08h00

Funcionário disse que pensou que era um coelho à primeira vista.
Cadela ganhou o nome de 'Hope' e está se recuperando em uma clínica.

Do G1, em São Paulo

As autoridades britânicas resgataram uma cadela que ficou presa por mais de uma semana em uma toca de coelho em Newcastle-under-Lyme, no Reino Unido, segundo reportagem do jornal inglês "The Sun".

Foto: Reprodução/The Sun

Cadela chamada 'Hope' ficou presa por mais de uma semana em uma toca de coelho. (Foto: Reprodução/The Sun)

Provavelmente, a cadela perseguiu um coelho, mas, quando entrou no buraco, ficou presa. O animal foi encontrado quando funcionários do município usavam uma escavadeira durante a execução de um projeto de alargamento de uma estrada.

O funcionário Arthur Evans disse que pensou que era um coelho à primeira vista, mas, depois, percebeu que era um cão. Ele contou que foi muita sorte eles estarem trabalhando no local, pois, se tivesse passado um ou dois dias a mais, a cadela poderia ter morrido.

A cadela, que ganhou o nome de "Hope", está se recuperando em uma clínica veterinária, já que perdeu muito peso.

http://g1.globo.com/Noticias/PlanetaBizarro/0,,MUL1308902-6091,00-FUNCIONARIOS+ACHAM+CADELA+VIVA+DENTRO+DE+TOCA+DE+COELHO+DURANTE+ESCAVACOES.html

Recebe alta 1º brasileiro a se curar de raiva humana

18/09/09 - 15h21 - Atualizado em 18/09/09 - 15h25

Da Agência Estado

O primeiro brasileiro que se curou de raiva humana recebeu alta nesta manhã em Recife. O paciente, um adolescente de 16 anos, estava internado desde outubro do ano passado no Hospital Universitário Oswaldo Cruz. Ele deixou o hospital em uma cadeira de rodas acompanhado dos pais para sua casa em Floresta, no interior pernambucano.

O jovem contraiu a doença após ser mordido por um morcego enquanto dormia. Segundo o hospital, o garoto ficou com sequelas. Ele não anda e fala com dificuldade. Dentro de três semanas, o adolescente voltará para a unidade de saúde. Ele passará por uma cirurgia ortopédica. O jovem continuará fazendo tratamento médico na Associação de Assistência à Criança Deficiente (AACD) em Recife.

http://g1.globo.com/Noticias/Brasil/0,,MUL1309921-5598,00-RECEBE+ALTA+BRASILEIRO+A+SE+CURAR+DE+RAIVA+HUMANA.html